Infecção urinária

Dicas para evitar a ocorrência de infecção urinária em idosos

A infecção urinária se torna mais comum à medida que se envelhece. É algo que acontece mais particularmente com as mulheres. Em lares de idosos, mais de um terço de todas as infecções é de origem urinária. 

É uma situação desconfortável e dolorosa, de preocupação relevante.  Este artigo oferece algumas dicas para evitar a ocorrência de infecção urinária em idosos. Acompanhe a leitura e compartilhe com a família e amigos.

Infecção urinária assintomática 

Esse tipo de infecção é comum em idosos, porém os sintomas nem sempre se apresentam ou são notados, o que a torna imperceptível ou mal diagnosticada, com frequência. 

Quando a infecção é diagnosticada precocemente, geralmente o tratamento ocorre diretamente com antibióticos. Se não for tratada, no entanto, pode se espalhar, gerando complicações que podem requerer hospitalização.

Um dos maiores problemas com infecções do trato urinário em idosos é que ela pode imitar os sintomas de outras doenças. Em adultos jovens uma infecção urinária é frequentemente dolorosa, portanto bastante óbvia. Em idosos, os sintomas diversificam e, às vezes, não sentem dor alguma, dificultando ainda mais o diagnóstico. 

Sintomas comuns de infecção urinária em idosos

Considerando a variação de sintomas nos idosos, deve-se estar atento aos seguintes:

  • confusão ou delírio;
  • micção aumentada ou urgente;
  • febre;
  • dor ao urinar;
  • náusea;
  • urina com cor ou odor anormal;
  • dor pélvica;
  • mudanças súbitas no comportamento ou agitação;
  • habilidades motoras fracas ou tonturas.

Uma infecção típica do trato urinário não terá todos esses sintomas, por isso é importante ter atenção a qualquer mudança no estilo de vida do idoso. Se há um cuidador, é importante que ele observe a ocorrência de alguns desses sintomas para que possa informar à família ou médico.

Dicas para prevenir infecção urinária em idosos

Tomar medidas para prevenir uma infecção do trato urinário é vital para qualquer um, principalmente os idosos. Para se prevenir siga algumas orientações:

  • beber muito líquido;
  • evitar cafeína e álcool;
  • limpar-se de frente para trás depois de ir ao banheiro;
  • mudar as roupas se senti-las úmidas;
  • estar com mãos limpas ao tocar o local;
  • evitar o uso de diafragma e espermicidas;
  • não reter a urina;
  • se houver diabetes, fazer o tratamento adequado.

Idosos em casa de repouso ou outra instituição de cuidados, muitas vezes dependem de terceiros para tomar medidas preventivas contra infecções urinárias. É essencial que a equipe esteja ciente dessas medidas e entenda os sinais e sintomas das infecções.

É importante que os membros da família garantam que os idosos tenham cuidados adequados para atender às suas necessidades básicas. 

O diagnóstico precoce é ótimo, mas a prevenção é ainda melhor. Por isso, praticar uma boa higiene e manter-se bem hidratado é a chave para ajudar o corpo a evitar a infecção urinária de forma eficaz e segura.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como urologista em Goiânia!

Comentários
Dr. Pedro Henrique Moreira

Posted by Dr. Pedro Henrique Moreira